sábado, 24 de dezembro de 2011

Ventosaterapia

Técnica conhecida no oriente como Método Chifre, devido aos chineses utilizarem os chifres dos animais aquecidos, criando-se um vácuo quando eram colocados sobre a pele. Foi desenvolvida com base na acupuntura sendo o chifre substituído posteriormente por cúpulas de bambu, metal e posteriormente vidro.
Através desses materiais é feito uma sucção com o bombeamento do ar para fora, uma vez posicionada na pele.  Assim é feito uma limpeza das toxinas no sangue acumuladas no organismo produzida pelos alimentos e outras fontes poluentes e é feito uma movimentação da energia que está estagnada em determinada região ao invés de fluir normalmente.



Além disso, pode-se utilizar a ventosa com movimentos de deslizamento através da sucção na pele, produzindo um efeito massageador que remove a pele ressacada pela abertura dos poros e pela transpiração.
Geralmente a aplicação das ventosas deixa uma marca púrpura no local efetuado, porém é normal e desaparece sozinha.


Indicações:


·      Alívio de dores musculares;
·      Melhora do sistema circulatório;
·      Redução de celulite e gordura localizada;
·      Lombalgias;
·       Dor abdominal;
·      Aumenta o fluxo da linfa, reduzindo o edema;
·      Mantém a flexibilidade dos músculos;
·      Retira as adesões e as fibroses;
·      Mobiliza o funcionamento dos órgãos;
·      Descongestiona os bloqueios de energia;
·      Ativa a circulação e o funcionamento geral do corpo.


Contra-indicações:


·        Febre-alta;
·        Convulsões;
·        Cólicas,
·        Alergias na pele;
·        Inflamações ulceradas;
·        Áreas onde o músculo é fino ou a pele não é plana por causa dos ângulos e depressões ósseas;
·        Abdômen e região lombar em gestantes.

segunda-feira, 28 de novembro de 2011